Cartas Filosóficas
– François-Marie Arouet (Voltaire)

Voltaire utiliza temas como religião, teatro, medicina, política e ciência para demonstrar a inter-relação entre a linguagem e o procedimento.

A abordagem faz um comparativo entre o comportamento dos ingleses e franceses, assinala as diferenças entre os dois povos e ressalta o quanto a conduta interfere na vida, no bem-estar e no futuro das nações.

Linguagem e comportamento

linguagem-1Os diálogos, referidos em suas cartas, incitam debates sobre temas que muitas vezes passam despercebidos, a exemplo da conversa com adeptos da seita quacres (tremedores), ao se referir à ausência de padres em seus templos.

“Por que entregaríamos nossos filhos a amas mercenárias, quando temos leite para lhe dar?”

Sobre vacinas, cujo processo era bem diferente do atual, o autor cita.

“Dizem a meia voz na Europa cristã que os ingleses são loucos e temerários: loucos porque dão a varíola a seus filhos para impedi-los de tê-la; temerários, porque transmitem de coração leve a essas crianças uma doença certa e terrível, visando prevenir um mal incerto.”

Acadêmicos e os notáveis

“A necessidade de falar, o inconveniente de não ter nada a dizer e a vontade de ter espírito são três coisas capazes de tornar ridículo mesmo o maior homem.”

As Cartas Filosóficas formam uma espécie de síntese do moderno liberalismo, antevendo conceitos, atualmente aceitos, focados em personagens responsáveis por ideias que provocaram mudanças sociais.

newton

Newton, Shakespeare, Locke, e Swift, são citados como alguns dos causadores das variações históricos.

 

 

Voltaire abre uma perspectiva crítica, a partir da qual o leitor se deleita de forma descomprometida e tem à sua frente o mundo com o retrato aos seus questionamentos.

François-Marie Arouet (Voltaire)

francois-marie-arouet-voltaireNasceu na França em 1694 e ficou conhecido pelo pseudônimo de Voltaire.

Filósofo iluminista é conhecido pela acuidade na defesa das liberdades civis e religiosas.

Escreveu nas mais várias formas literárias.

Sua obra influenciou importantes decisões políticas a exemplo da Revolução Francesa.

 

 

Referência bibliográfica

Voltaire, 1694-1778
Cartas filosóficas / Voltaire; tradução de Márcia Valéria Martinez Aguiar; revisão da tradução Andréa Stahel M. da Silva. – São Paulo: Martins Fontes, 2007, (Voltaire vive)
176p.
Título original: Lettres philosophiques
ISBN 978-85-336-2349-1
1. Filosofia francesa 2. Voltaire, 1694-1778 I. Título II. Série.

(R)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *